Hoje é 21 de maio de 2024 08:02
Hoje é 21 de maio de 2024 08:02

Senador Canedo tem mais um pré-candidato a prefeito

Thiago Moura, do PRTB, anunciou pré-candidatura, mas a disputa na cidade deve girar em torno do atual prefeito, Fernando Pellozo (União Brasil), do ex-prefeito Divino Lemes (PSDB) e de Izaura Cardoso (PSD)
Além do atual prefeito, Fernando Pellozo (foto maior), já se declararam pré-candidatos em Senador Canedo: Divino Lemes (à cima e à esq.), Izaura Cardoso, Alexandre Braga, Thiago Moura (à esq. embaixo), Welma Lira e Cristiane Pina // Fotos: redes sociais

Sempre cobiçada, a prefeitura de Senador Canedo promete ser uma das mais disputadas na eleição deste ano em Goiás. Se depender do número de pré-candidatos, a briga pelo voto pode ficar acirrada. Mas a pulverização dos concorrentes pode beneficiar o atual prefeito, Fernando Pellozo (União Brasil), que está no primeiro mandato e vai concorrer à reeleição com as bênçãos do governador Ronaldo Caiado (UB).

O mais novo postulante é o jornalista e empresário Thiago Moura (PRTB), ex-secretário de Saúde de Senador Canedo. Ele anunciou a pré-candidatura na última quarta-feira (10/4), com aval do presidente nacional do partido, Leonardo Avalanche, e a presidente Estadual, Vanessa Barros.

Também já declaram que pretendem disputar a prefeitura: o ex-prefeito Divino Lemes (PSDB), derrotado por Pellozo em 2020; Izaura Cardoso (PSD), suplente de senador e esposa do empresário e senador Vanderlan Cardoso; a vereadora Welma Lira, que assumiu a presidência do PL no município; o jornalista e empresário Alexandre Braga (Agir); a médica Cristiane Pina (Solidariedade).

Pesquisa Serpes divulgada no início de fevereiro apontou Pelozzo em segundo lugar, com 23,6% das intenções de voto, atrás do ex-prefeito Divino Lemes, com 25,2%. Depois, vieram Alexandre Braga, com 15,3%, e Cristiane Pina, com 6,6%. Como já se passaram mais de dois meses, esse cenário pode ter mudado significativamente.

Por ter a máquina administrativa nas mãos e também por contar com apoio do governador Ronaldo Caiado, o atual prefeito deve crescer nas pesquisas, afinal tem serviços e obras para entregar, muitas em parceria com o governo estadual. À medida que Pellozo crescer, deve aumentar a rejeição ao nome do ex-prefeito Divino Lemes, afinal Pellozo elegeu-se como novidade e desbancou a candidatura à reeleição de Lemes, que no passado já fora prefeito.

Ainda não é possível mensurar o impacto que a pré-candidatura de Izaura Cardoso terá, porque ela não aparecia nas pesquisas. O fato é que certamente ela retirar votos de Pellozo e dos demais principais concorrentes, principalmente devido à forte imagem que o marido, Vanderlan Cardoso, tem de bom gestor nos dois mandatos que teve como prefeito da cidade.

Dos demais concorrentes, a vereadora Welma Lira, agora no PL, também pode subir nas pesquisas. Ela aposta em uma campanha usando a imagem do ex-presidente Jair Bolsonaro e do deputado federal Gustavo Gayer, pré-candidato a prefeito de Goiânia, ambos do PL. Além disso, pode ter reforço do senador Wilder Morais, presidente do PL em Goiás.

Compartilhar em:

Notícias em alta