Hoje é 21 de maio de 2024 06:27
Hoje é 21 de maio de 2024 06:27

Sandro Mabel decide incorporar propostas de Maguito a seu plano de governo

Na primeira reunião com equipe do plano de governo, pré-candidato a prefeito também sugeriu estudo para implantar administrações regionais na capital
Sandro Mabel (ao centro, de camisa preta) discute pontos do plano de governo com equipe: “Vamos incluir o que for possível no nosso plano de governo, adequando e modernizando as propostas de Maguito à realidade atual de Goiânia” // Foto: Divulgação

O pré-candidato a prefeito de Goiânia Sandro Mabel (UB) promoveu na noite de sexta-feira (10/5) a primeira reunião com a equipe que vai coordenar seu plano de governo. Participaram do encontro o ex-deputado Francisco Júnior (PSD), presidente da Codego; Paulo Ortegal (MDB), assessor especial da Governadoria; e Erick Figueiredo, presidente do Instituto Mauro Borges (IMB), vinculado ao Governo estadual, além de Gustavo Mendanha (MDB), ex-prefeito de Aparecida de Goiânia, que acompanhou a reunião.

Na reunião, Mabel externou à equipe sua vontade de resgatar as principais propostas feitas pelo ex-prefeito Maguito Vilela (MDB) na campanha eleitoral de 2020 para a Prefeitura de Goiânia. Maguito foi eleito, mas logo após assumir o cargo morreu em decorrência da Covid-19. Desde então o prefeito da capital é o vice de Maguito, Rogério Cruz, eleito pelo partido Republicanos e hoje filiado ao partido Solidariedade.

“Vamos incluir o que for possível no nosso plano de governo, adequando e modernizando as propostas de Maguito à realidade atual de Goiânia. É um resgate que vamos fazer, não apenas em memória do ex-governador, mas porque essas propostas foram aprovadas pela população, mas não foram implantadas pela atual administração”, disse o pré-candidato.

A ideia de Sandro Mabel foi elogiada pelo ex-prefeito Gustavo Mendanha, que sucedeu Maguito, a partir de 2017, na prefeitura de Aparecida de Goiânia.

“Sem dúvida alguma foi um plano de governo vitorioso em 2020, que continua atual em sua grande parte. As propostas de Maguito vão acrescentar muito ao seu plano de governo”, afirmou Mendanha a Mabel.

Pré-candidato quer propor administrações regionais

Sandro Mabel também passou as primeiras orientações sobre as propostas que pretende apresentar na campanha eleitoral. Entre algumas ideias, que serão alvo de estudo detalhado a partir de agora, está a implantação de 7 a 9 administrações regionais na capital.

“Não se trata de subprefeituras. É algo mais atual e de resultados efetivos. Estas administrações farão que os serviços da prefeitura estejam mais próximos do cidadão, que tenham maior poder de resposta para atender às demandas da população e capacidade de fiscalizar de perto as ações da prefeitura nos bairros”, frisou o pré-candidato.

Ele explicou que, diferentemente do conceito de subprefeituras, as administrações regionais terão como principal critério o planejamento e a capacidade técnica.

“Serão coordenadas por gestores. Além de comprovarem habilidade para a função, terão de fazer um compromisso público de que não vão disputar nenhuma eleição nos quatro anos da gestão municipal”, enfatizou Sandro Mabel.

Francisco Júnior disse que vai trabalhar agora para ampliar a equipe responsável pelo plano de governo. O ex-deputado federal já foi presidente da Câmara Municipal e coordenou os trabalhos, na gestão de Iris Rezende, que atualizaram o Plano Diretor de Goiânia. É mestre em Desenvolvimento e Planejamento Territorial pela PUC-GO.

“Vamos chamar mais técnicos e lideranças das principais áreas, como educação, saúde, mobilidade, segurança pública etc. Vamos também promover várias reuniões com segmentos organizados da capital, além de ouvir diretamente a população”, adiantou.

“Nosso desafio será entregar até julho para Sandro Mabel um plano de governo moderno e eficiente, que atenda todas as demandas e anseios atuais da população de Goiânia e também projete a cidade para o futuro”, acrescentou Francisco Júnior.

Compartilhar em:

Notícias em alta