Hoje é 22 de maio de 2024 11:58
Hoje é 22 de maio de 2024 11:58

Cidades do norte de Goiás podem ter máximas de até 36ºC

Cimehgo emite alerta para risco de incêndio devido ao aumento das temperaturas e diminuição da umidade relativa do ar
Cidades do norte de Goiás podem ter máximas de até 36ºC Foto: Cesar Henrique/Portal NG

De acordo com dados do Centro de Informações Meteorológicas e Hidrológicas de Goiás (Cimehgo), nos próximos dias as cidades goianas deverão marcar temperaturas maiores, o que diminui a umidade relativa do ar. O boletim elaborado nesta segunda-feira (29/04) ainda alerta para o risco de queimadas, principalmente no oeste do estado.

O documento reforça a necessidade de se ter consciência ambiental, visto que a maioria das queimadas é provocada e pode causar inúmeros prejuízos para as cidades e o campo. Nesse período, é importante se atentar à umidade relativa do ar, que está em estado de observação, variando entre 31% e 40% durante o dia.

O tempo estável é fruto de uma bolha de calor situada sobre o Paraguai que influencia o tempo no Centro-Oeste brasileiro, impedindo a chegada do ar frio nessa região. Esse fenômeno acontece devido às massas de ar quente que se expandem de forma vertical na atmosfera e criam uma forma de cúpula de alta pressão que impossibilita que frentes frias possam se aproximar.

André Amorim, gerente do Cimehgo, aconselha que as pessoas se cuidem durante esse período de estiagem. “Por enquanto, aqui no estado de Goiás, temos temperaturas elevadas e umidade relativa do ar baixa. Se cuidem porque a situação para esses próximos dias é de cuidado com a saúde”, ele afirma.

As cidades que devem registrar as maiores temperaturas nesta terça-feira (30/04) são: Porangatu (35ºC), Aruanã (35ºC), Araguapaz (34ºC), Montes Claros (33ºC), Jataí (33ºC), Morrinhos (32ºC) e Goiânia (32ºC). Quanto à umidade relativa do ar, Morrinhos, Palmeiras de Goiás, Santa Helena, Ipameri e Goiânia podem marcar até 35% de mínima.

Compartilhar em:

Notícias em alta