Hoje é 18 de abril de 2024 14:04
Hoje é 18 de abril de 2024 14:04

Pais de Larissa Manoela realizaram transferências de R$ 5 milhões, afirma advogada

Em uma troca de mensagens entre a atriz e sua mãe, Silvana Taques respondeu: “Esqueça que eu sou sua mãe. Nem li sua mensagem e já apaguei”
O desentendimento de Larissa Manoela com os pais começou após atriz questioná-los sobre questão financeira | Foto: Reprodução/redes sociais

A advogada de Larissa Manoela, Patrícia Proete, disse que os pais da atriz, Silvana Taques e Gilberto Elias, transferiram R$ 5 milhões da conta da jovem. Segundo a profissional, os tutores não prestaram contas para atriz sobre o dinheiro retirado da conta.

“Larissa se surpreendeu verificando que haviam várias transferências feitas da conta dela para a conta dos pais nos últimos tempos. Uma soma superior a R$ 5 milhões”, disse Patrícia, em entrevista ao Fantástico transmitida neste domingo (20/8).

Mesmo com os pais afirmando que a atriz tinha um cartão black, a advogada explicou que Larissa Manoela só poderia utilizá-lo com a permissão do pai.

“Ela não tinha autorização para uso. Se ela quisesse comprar um sapato, precisava pedir. O pai, inclusive, dizia em qual cartão poderia comprar. Ela tinha uma vida que era a que os pais forneciam para ela. Estamos discutindo a liberdade dela, sobre o dinheiro dela, fruto do trabalho dela”, ponderou a advogada.

Outra troca de mensagens entre a atriz e a mãe, Silvana Taques, também foi divulgada neste domingo. A troca de mensagens aconteceu no dia 24 de dezembro de 2022.

Os pais de Larissa foram convidados a passarem o Natal na casa dos pais do noivo da atriz, André, mas não aceitaram. Na véspera de Natal, Larissa Manoela enviou uma mensagem para a mãe e disse que sente falta da melhor amiga.

Silvana, então, respondeu com um palavrão e disse: “Esqueça que eu sou sua mãe. Nem li sua mensagem e já apaguei”.

Ainda, segundo a advogada da atriz, nove imóveis fazem parte das duas empresas que Larissa tinha em sociedade com os pais e das quais ela abriu mão. E mais uma casa comprada fora do país, em nome somente do pai e da mãe. Ao decidir pelo rompimento, a atriz ficou só com um desses imóveis.

“Eu tenho um apartamento que acabei de vender para poder pagar a casa em que eu estou morando hoje. E que eu tive que pegar um empréstimo para poder quitar”, disse Larissa.

De acordo com os extratos da conta da empresa de Larissa, em junho do ano passado há transferências de R$ 1,5 milhão; em julho, as movimentações somaram quase R$ 850 mil; em agosto, uma transferência de R$ 500 mil e, num único dia, mais R$ 200 mil. As transações seguiram até os pais perderem acesso à conta, em fevereiro deste ano.

Larissa afirmou ainda que, também em junho, foi impedida de entrar num dos imóveis da família, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Ela buscava produtos enviados por marcas com as quais tinha contrato.

“Não pude entrar. Eu não queria nem chegar a ir até o apartamento, mas sim tirar correspondências e coisas que vinham em meu nome. Mas o meu acesso foi bloqueado”, disse Larissa.

Até o fechamento desta matéria, os pais da atriz e nem o advogado deles, haviam se pronunciado sobre as questões mencionadas por Larissa Manoela.

Compartilhar em:

Notícias em alta