Hoje é 16 de abril de 2024 10:49
Hoje é 16 de abril de 2024 10:49

Mulher denuncia que teve parte do bumbum necrosado após passar por cirurgias plásticas

Médica teve o registro profissional interditado depois de ser denunciada por outros pacientes que também alegam ter passado por procedimentos parecidos

Uma mulher de 30 anos, denuncia que teve parte do bumbum necrosado após fazer cirurgias plásticas com a médica Lorena Duarte Rosique. O caso ocorreu em Goiânia. 

A técnica em enfermagem Joana Darque da Silva Montel conta que fez um procedimento estético no bumbum há menos de um mês, em 13 de dezembro do ano passado, e que evoluiu para uma infecção. De acordo com Joana, as cirurgias plásticas começaram em 2021. Ela colocou próteses nos seios e fez lipoaspiração na barriga com Lorena Rosique. Na época, ela teve complicações e procurou a médica por diversas vezes para reparar os procedimentos.

As cirurgias reparadoras, chamadas de refinamento, foram feitas, mas não corrigiram as deformidades, segundo Joana. Ela perdeu parte das aréolas dos seios e ficou com cicatrizes grandes na barriga.

Joana registrou boletim de ocorrência na polícia pedindo investigação por lesão corporal.

Essa não é a primeira vez que Lorena é investigada por casos parecidos. No site do Tribunal de Justiça de Goiás há pelo menos 18 processos tramitando contra a médica, a maioria sob sigilo.

Em fevereiro do ano passado, ela teve o registro de médica (CRM) interditado pelo Conselho Regional de Medicina de Goiás (Cremego) após denúncias de pacientes que também tiveram cirurgias malsucedidas, mas o registro foi reativado um mês depois pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e ela voltou a operar.

No ano passado, a vendedora Kelly Cristina Gomes da Costa, de 29 anos, registrou boletim de ocorrência na Polícia Civil contra Lorena Rosique após fazer procedimento para levantar os seios, eliminar gordura e aumentar o bumbum, mas teve queimaduras na pele e diversas complicações.

Compartilhar em:

Notícias em alta