Hoje é 21 de maio de 2024 07:43
Hoje é 21 de maio de 2024 07:43

Goiás reforça policiamento para garantir segurança de foliões e população

Além de aumentar o efetivo especialmente nos destinos turísticos, Governo estadual vai monitorar os registros de casos de dengue e covid-19 durante o período carnavalesco
Governador Ronaldo Caiado lança Operação Carnaval 2024: “Todos os nossos policiais estão autorizados a agir de forma imediata” // Fotos: Wesley Costa

O Governo de Goiás iniciou, na manhã desta sexta-feira (09/02), a Operação Integrada Carnaval 2024. Com foco em inteligência e tecnologia, a operação reforça a presença das corporações de segurança pública do Estado nos 246 municípios goianos. O esforço concentrado, que envolve as polícias Civil e Militar e Corpo de Bombeiros, além das polícias Federal e Rodoviária Federal, segue até quarta-feira de cinzas (14/02).

“A expectativa é que todas as nossas forças integradas de segurança estarão em todos os cantos de Goiás, principalmente nas cidades onde teremos a maior concentração para poder orientar as pessoas também nas rodovias, orientar as pessoas dos locais para que não excedam e para que possam ali curtir o carnaval respeitando todos os outros que estão também no momento de diversão”, comentou o governador Ronaldo Caiado, ao lançar a operação, na manhã desta sexta-feira.

Destinos turísticos de Alto Paraíso, Aruanã, Buriti Alegre, Caldas Novas, Cidade de Goiás, Goianésia, Jaraguá, Pirenópolis e Uruaçu terão atenção especial. Nessas localidades haverá reforço para combate à violência e resgates em casos de afogamentos e acidentes terrestres, aquáticos ou aéreos. Estão previstas ações educativas e de patrulhamento, revistas estruturais para inibição do tráfico de drogas, prevenção de incêndios e pânico em estabelecimentos comerciais, guarda de presídios e detentos, e otimização da logística para perícias e laudos.

Ao PORTAL NG, o secretário estadual de Turismo, Fabricio Amaral, pediu atenção aos foliões para garantir a segurança no período de festa.

Temos expectativa de ter mais de um milhão de pessoas flutuando pelo carnaval de Goiás e todos que quiserem vir para Goiás serão todos bem vindos”, destacou Amaral, que elogiou a participação dos foliões no carnaval de bloquinho realizado em Goiânia no último final de semana.

Subcomandante do Corpo de Corpo Bombeiros, Coronel Pablo disse ao PORTAL NG que não houve nenhum incidente no pré-carnaval em Goiânia e espera que a tranquilidade se repita nos principais destinos turísticos do estado.

“Ao pegar as estradas, sempre usar o cinto de segurança, não dirigir embriagado, não exceder a velocidade e obedecer à sinalização de trânsito”, recomendou.

Aplicativo garante contato direto com polícia

Segundo o governo estadual, este ano tem uma novidade voltada ao público feminino no carnaval é o aplicativo Mulher Segura. Disponível para download gratuito na Play Store (Android) e na Apple Store (IOS), o aplicativo contata diretamente o usuário com as patrulhas e podem reportar imediatamente denúncias de violência, bem como obter informações sobre a localização de batalhões e delegacias próximas.

“É um dos pontos principais para nós e o que mais tem dado resultado. Nossa polícia chega rapidamente, seja dentro de ônibus, no meio do Carnaval, da rua ou em qualquer local onde a mulher esteja”, comentou o governador Ronaldo Caiado.

O governo chama atenção para o período chuvoso e pede cuidado a quem for pegar a estrada. Segundo o secretário de Segurança Pública, Renato Brum, o policiamento ordinário em todas as cidades goianas será mantido e contará com reforço.

“Os índices mostram que tivemos, em 2024, a melhor virada de ano e o melhor início de ano dos últimos cinco anos em Goiás. Reafirmamos o compromisso de termos a melhor segurança do Brasil”, declarou Brum.

“Falar de segurança pública requer observar três pilares: investimento em tecnologia, em inteligência e em integração. Em Goiás, vivenciamos isso como algo mais do que formal, mas concreto e crescente”, destacou a superintendente da PF em Goiás, Marcela Siqueira.

O superintendente executivo da PRF, Fábio Souto, mencionou resultados positivos alcançados pelo trabalho integrado entre as forças estaduais e federais, como a apreensão de 3,7 toneladas de cocaína nas estradas federais que cortam Goiás, além de 10 toneladas de maconha, em 2023.

“É um resultado de todas as forças que também vão participar desta operação aqui”, destacou ele, referindo-se à Operação Carnaval.

Monitoramento de dengue e covid

Ainda de acordo com o Governo estadual, os registros de casos de dengue e covid-19 em Goiás também serão monitorados de perto durante o período carnavalesco. Falando ao NG, o governador aprovou a decisão de alguns prefeitos de cancelar eventos de carnaval, tendo em vista o aumento de casos de dengue e covid.

“Nas cidades onde você tem uma incidência maior do Covid, eu aplaudo, é uma decisão respeitosa para com o cidadão, já que existem dados sanitários que mostram uma incidência maior ali naquele município”, disse Caiado, que pediu ajuda à população para combater os focos do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue.

“Já temos gabinetes de crise instalados em 42 municípios, mas esta é uma guerra que depende da ação pessoal de cada um também, pois muitos criadouros do mosquito estão nas casas. É preciso eliminar esses criatórios. Outro ponto é o lixo. Pedimos aos prefeitos e às nossas patrulhas mecanizadas que atuem em lotes baldios para que não existam focos”, reforçou.

Compartilhar em:

Notícias em alta