Hoje é 16 de abril de 2024 11:54
Hoje é 16 de abril de 2024 11:54

Fieg promove 10ª edição do Encontro Internacional de Comércio Exterior com projeção de US$ 10,5 milhões em negócios

No total, foram realizadas 96 reuniões de negócios, envolvendo 26 empresas fornecedoras goianas e sete empresas compradoras internacionais do Chile, Guatemala, Panamá, Paraguay, Uruguai e China
Presidente da Fieg, Sandro Mabel: “Avançamos com a nossa missão de levar a indústria goiana para novos mercados, ampliando oportunidades de negócios” // Foto: Ascom

A Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg) promoveu nesta quarta-feira (13/9), a 10ª edição do Encontro Internacional de Comércio Exterior (EICE), principal evento do setor no Centro-Oeste. O evento promoveu discussões centradas no tema Comércio Internacional: Desafios e Oportunidades no Mercado Globalizado, com ampla programação que incluiu rodadas de negócios entre empresas goianas e compradores internacionais.

Foram realizadas no total, 96 reuniões de negócios, com participação de 26 empresas fornecedoras goianas e sete empresas compradoras internacionais do Chile, Guatemala, Panamá, Paraguay, Uruguai e China. A Fieg estima cerca de US$ 10,5 milhões em negócios para os próximos 12 meses.

“Concluímos a realização de mais uma edição do EICE com grande sucesso. Além de público recorde, avançamos com a nossa missão de levar a indústria goiana para novos mercados, ampliando oportunidades de negócios”, pontuou Sandro Mabel, presidente da Fieg.

“O mundo está cada vez mais plano, mais acessível, e a Fieg está pronta para apoiar as indústrias nessa internacionalização. Exportar é para todos, desde o micro ao grande empresário”, afirmou o presidente.

O EICE mobilizou mais de 400 participantes, lotando o auditório João Bennio, na Casa da Indústria, em Goiânia. O encontro contou com palestras dos economistas Ecio Costa e André Galhardo, que analisaram a atual conjuntura nacional e internacional e as chances que o Brasil possui de atrair novos investimentos diante da tendência nearshoring; além de painel da Apex Brasil com oportunidades para os produtos brasileiros nos mercados sul-americano e europeu.

A edição do evento foi realizada em parceria com o Sebrae, e contou com patrocínio do Grupo Porto Seco Centro-Oeste e DHL e apoio dos Correios, Apex Brasil e Fecomércio.

Compartilhar em:

Notícias em alta